27 de janeiro

Soja

A soja demonstrou força e encerrou o pregão da última quarta-feira (26) com ganhos significativos na CBOT. A Fecoagro estimou as perdas da safra gaúcha em cerca de 48% das 22 milhões de toneladas previstas, ou seja, a safra do segundo maior produtor brasileiro cairia para 11,0-11,5 milhões de toneladas. Se pensarmos que no Paraná a produção inicialmente estimada em 21,0 milhões de toneladas agora é prevista em 12,8 milhões de toneladas (Deral), apenas nestes dois importantes estados produtores teríamos uma perda de pelo menos 17 a 18 milhões de toneladas, que, se somadas às perdas do Mato Grosso do Sul, totalizaria uma quebra de 18 a 20 milhões de toneladas na safra brasileira. Com o excesso de chuvas no centro-oeste e no MAPITOBA, não se sabe se haverá compensação das perdas no centro-sul, por isso, não seria difícil imaginar um cenário de uma safra brasileira na faixa de 125 milhões de toneladas, ante as 145 previstas inicialmente. Por isso, a soja subiu 32,75 centavos no contrato de março.

Fonte: Granopar

Milho

O milho seguiu mais de perto o comportamento da soja e encerrou o pregão da última quarta-feira (26) com ganhos moderados na Bolsa de Chicago. De agora em diante, além de monitorar o clima na América do Sul, o mercado volta a olhar com mais atenção para a disputa por área plantada nos EUA entre soja e milho, e como o cereal já sai em desvantagem por conta dos custos mais altos com fertilizantes, qualquer movimento altista da soja tende a ser seguido de perto pelo milho. Diante disso, o contrato de março do cereal fechou com alta de 7,00 centavos.

Fonte: Granopar

Trigo

O trigo acabou passando por uma correção e encerrou o pregão da última quarta-feira (26) com perdas relevantes nas bolsas dos EUA. Há semanas, o mercado tem comprado posições especulando sobre um possível conflito entre Rússia e Ucrânia. Porém, com o passar do tempo, os fundos resolveram entrar liquidando contratos. Como resultado, o contrato de março caiu 23,00 centavos na CBOT e 18,75 em Kansas City.

Fonte: Granopar

Dólar

Dólar EUACompra (R$)Venda (R$)
26/01 (PTAX)5,43185,4324
26/01-13:005,43725,4378

Fonte: Banco Central do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *